Amazonas Shinshukan

Kata Shinshukan

1   Fukyu Gata Dai-Ichi

2   Fukyu Gata Dai-Ni
1   Naihanchi Shodan
2   Naihanchi Nidan
3   Naihanchi Sandan
1   Pin An Shodan
2   Pin An Nidan
3   Pin An Sandan
4   Pin An Yondan
5   Pin An Godan
1   Itosu-No-Pasai
2   Matsumura-No-Pasai
3   Koryu Pasai
1   Kusanku Sho
2   Kusanku Dai
1   Chinto
1   Jion
1   Gojushiho
1   Teesho
1   Unshu
1   Ryuko
 

 

 

 

 

> Fukyu Gata

Esses dois Kata foram criados por Shoshin Nagamine (Fukyu Gata Dai-ichi) e Chojun Miyagi (Fukyu Gata Dai-ni. São formas muito simples, de fácil aprendizado, encomendadas pelo Sr. Gen Haiakawa da Prefeitura de Okinawa em 1940 para alunos iniciantes.

Em 1941 esses Kata foram apresentados e oficializados mas nem todos os estilos o adotaram. Uma terceira versão com 17 movimentos foi criada em 1960 por Ansei Ueshiro, enfatizando velocidade, combinações técnicas e posturas baixas visando o fortalecimento das pernas.

Fukyu Gata Dai-ni aparece no Goju-Ryu como Gekisai Ichi.

> Naihanchi

Uma série de três (Naihanchi Shodan, Naihanchi Nidan e Naihanchi Sandan). São originários da China, proveniente de uma forma chamada Daipochin. Sabe-se que em sua forma original era apenas um Kata (O Naihanchi ou Koshiki Naihanchi) e que fora desmembrado em três partes. Há controvérsias sobre o/os autor/es desse desmembramento; Alguns historiadores atribuem a Sokon Matsumura e outros a Anko Itosu.

> Pin An

​Esta série de cinco Kata tem sua criação atribuida a Anko Itosu. Muitos afirmam que esta série foi baseada no Kusanku, mas, se observarmos com cautela encontraremos técnicas e passagens que lembram Pasai, Kusanku e Jion. Esta série tem por objetivo a ginástica no sentido de preparação do corpo para Kata mais avançados.

> Pasai

Também de origem desconhecida. Para alguns historiadores, este Kata foi introduzido por Sokon Matsumura e para outros, ele, Matsumura, o desenvolveu a partir de outra forma chinesa que aprendera com Yara e com Sakugawa. A versão "Sho" é atribuida a Anko Itosu. Hoje na Shinshukan existem três Pasai: Itosu-no-Pasai (Pasai de Itosu), Matsumura-no-Pasai (Pasai de Matsumura) e Koryu-Pasai (Pasai do estilo antigo).

> Kusanku

Este Kata surgiu a partir das técnicas do chines Kwang Shang Fu, transmitidas à Sakugawa em solo okinawano. Kwang Shang Fu era um adido militar enviado a Okinawa pela Dinastia Qing do império chines lá por volta de 1756 e Kusanku era a expressão okinawana para Kwang Shang Fu.

> Chinto

Trata-se de um Kata muito especial e acredita-se que a forma antiga não tinha o Tobi-Geri. Sua origem é desconhecida, embora alguns atribuem a sua autoria à Sokon Matsumura que teria praticado tais técnicas com um naufrago chines chamado Chinto. Basicamente há duas versões do Kata: A versão Shuri de Sokon Matsumura e a versão Tomari de Kosaku Matsumora. A versão Shuri ou Shorin tem um deslocamente para a frente enquanto a versão Tomari tem uma saída em diagonal.

> Jion

Este Kata foi praticado em Shuri e Tomari. Há quem afirme que o Kata veio de um Templo chamado Jion-Ji localizado em Yamagata - Ilha principal do Japão. Devido a distância territorial esta versão é sempre muito questionável. Como este Kata foi ensinado por Sokon Matsumura à Anko Itosu a teoria de que esta forma veio da China é bem mais aceita

> Gojushiho

É um Kata antigo de origem chinesa; Se traduz como 54 passos e era praticado em Shuri e Tomari. Os especialistas dizem que suas técnicas são baseadas nos estilos Fênix, Bêbado, Tigre e Garça Branca, todos da Escola Chinesa.

A forma como se pratica em Shorin-Ryu vem de Sokon Matsumura, anteriormente chamada Useishi.

> Teesho

Este é o Kata de Miyahira Sensei, significa "pequena mão"

> Unshu

Foi também um Kata que teve a sua origem em Pequim/China; Unshu significa Mãos das nuvens e o seu autor e escola são desconhecidos. A sua entrada em Okinawa é atribuída à Arakaki.

> Ryuko

Esta foi a denominação dada pelo Mestre Yoshihide Shinzato ao Kata que criara antes de partir; Ryuko foi a sua ultima contribuição técnica à Escola Shinshukan. A palavra significa "Dragão no Céu Tigre na Terra".

Este Kata imortaliza o seu nome, a sua obra como Mestre de Karate-Do e Kobu-Do e a sua escola Shinshukan.